Animated loader dots14ComingSoonAnimated loader dots
Metal rolled sheets
Laboratórios Analíticos, Pesquisa e Ciência

Espectroscopia de absorção atómica

A espectroscopia de absorção atómica (AAS) utiliza a absorção de luz para medir a concentração de átomos na fase gasosa. Os átomos absorvem a luz e fazem transições para níveis de energia mais elevados. O nível de absorção determina a concentração de um componente específico.

Existem várias técnicas analíticas baseadas neste princípio, os gases típicos utilizados são o acetileno, o óxido nitroso, o ar zero, o azoto e o árgon.

Que gases fornecemos para a Espectroscopia de Absorção?

Os Gases Especiais da Gasin são concebidos especificamente para o utilizador analítico e para o equipamento que utilizam. A nossa linha de gases Experis® permite que nossos clientes garantam resultados precisos e otimizem o desempenho dos seus equipamentos.

Azoto BIP®

Níveis críticos de impureza de 10 ppb de oxigénio e 20 ppb de humidade garantem que o equipamento permanecerá preciso por mais tempo.

Árgon BIP®

Níveis críticos de impureza de 10 ppb de oxigénio e 20 ppb de humidade melhoram a resolução do equipamento.

Ar Sintético (Ar Zero)

Com baixos componentes de THC, este gás é ideal para a medição ou detecção de componentes em concentrações muito baixas.

Acetileno

As especificações baixas de PH₃ e H₂S proporcionam uma chama mais limpa com menos interferência, permitindo óptimos resultados analíticos.

Ofertas

Pergunte ao Especialista

Clara Roig
Clara Roig

Responsável do Segmento

Que grau de acetileno é recomendado para espectroscopia de absorção atómica de chama?

Recomendamos o uso de Acetileno Premier para esta aplicação, com base nos seus baixos níveis de impureza de fosfina (PH₃) e sulfureto de hidrogénio (H₂S).